PROGRAMA DE INTERAÇÃO TÉCNICA MULTI TEMÁTICO

PIT +

O Programa P.I.T.+, "Programa de Integração Técnica Multi Temático" do IPPLAM – Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Maringá, originou-se com o objetivo de integrar o poder executivo do município de Maringá, com as instituições de ensino superior, a fim de compartilhar informações, promover parcerias para o desenvolvimento de projetos e engrandecer as discussões referente ao desenvolvimento urbano, obtendo-se assim  resultados em prol de uma sociedade e território mais inclusivos e democráticos.

​O nome do programa, assim como sua sigla de abreviação,  faz uma analogia a palavra “Pitch”, que é utilizada para descrição e apresentação de produtos e negócios, de forma sucinta e dinâmica, afim de despertar o interesse do interlocutor. Além disso, sua nomenclatura se relaciona ao método e integração profissional para atingir os objetivos do P.I.T.+,   o qual deve apresentar as necessidades dos projetos e os meios de desenvolvê-los.

Diante do exposto, a primeira fase do programa será realizada com base no Termo de Cooperação Técnica nº 008/2020, assinado no dia 25 de maio de 2021, pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Maringá e pela Universidade Estadual de Maringá – UEM, que viabiliza o desenvolvimento e a execução conjunta de ações, programas e projetos de interesse e objetivos comuns, como o intercâmbio de assuntos educacionais, científicos e tecnológicos.

A referida fase  pré-selecionará acadêmicos da UEM para desenvolver  projetos em parceria com o Instituto, que serão divididos em eixos temáticos. O formulário para manifestação de interesse ficará disponível para preenchimento a partir do dia 29/10/2021 até o dia 29/11/2021.

Os projetos passarão pela análise do Instituto e os pré-selecionados serão convocados para entrevistas no dia 9 e 10 de dezembro. Os projetos selecionados deverão encaminhar o Plano de Trabalho no prazo de 30 dias.

Ademais, este deverá estar em consonância com o Termo de Cooperação Técnica nº 008/2020, ou seja, ser supervisionado por um professor da UEM e aprovado pelo Centro de Ensino Acadêmico do respectivo curso ao qual o professor seja vinculado.

Os critérios de seleção serão a originalidade,  a inovação e a correlação com as atividades em desenvolvimento pelo Instituto.

GALERIA DE IMAGENS